A LEI DA RETRIBUIÇÃO

      Textos: Juízes 1.7

INTRODRUÇÃO: Adoni-Bezeque havia capturado a setenta reis e os havia tratado com uma dura crueldade. Se viu cativo de outro rei e na mesma classe de duro tratamento em suas mãos. Ele, como muitos outros desde então, descobriu que havia sido medido com a medida que ele havia empregado para outros.

I. NÃO PODE ESCAPAR DO JUÍZO

         a. Pode negar-se, porém não pode escapar.

         b. Os assuntos humanos parecem confusos e entrelaçados, porém formam parte de um bom e ordenado plano de Deus.

II. CADA BOA OBRA SERÁ PREMIADA COM UMA RECOMPENSA ADEQUADA

         a. Esta lei funciona em ambas as direções. “Porque Deus não é injusto para esquecer vossa obra e o trabalho de amor” (Hb. 6.10)

         b. As boas obras constituem em certa medida sua própria recompensa.

         c. As obras efetuadas meramente com vistas a recompensa nunca são boas.

III. AINDA QUE A JUSTIÇA SE ESTENDA POR UM LONGO TEMPO OU PERÍODO, CHEGARÁ O SEU TEMPO!

         a. Adoni-Bezeque descobriu a verdade.

         b. A hora de Deus se aproxima, e aquele que pensa que escapou está simplesmente sendo reservado para o dia da ira.

CONCLUSÃO: A única esperança para o futuro está no arrependimento do passado e da confiança no evangelho de Jesus Cristo, de perdão dos pecados e regeneração do coração.