DESCOBRINDO NOSSAS POSSIBLIDADES

      Textos: João 1.46

INTRODUÇÃO: Fatos reais são sérios. Imaginários e propagados, são piores ainda. Esta era a situação de Nazaré, agravada pela má reputação. Distante dos centros, sem intercâmbio. Além disto, má reputação. Isto estraga o indivíduo e a comunidade. Pode a água correr rio acima? Pode o boi voar? Pode vir alguma coisa boa de Nazaré? Contrário a todos os precedentes, uma criança ali cresceu e mostrou que aquela vilazinha tinha possibilidade que ninguém sonhava.

I. CADA SER HUMANO TEM POSSIBILIDADE NATAS

a. De crescer fisicamente.

b. De crescer intelectualmente.

c. De crescer socialmente.

d. De crescer moralmente.

e. De crescer espiritualmente.

f. Pode tornar-se filho de Deus. (Jo. 1.12)

g. pode crer em Jesus agora mesmo.

h. Pode tornar-se útil a sai mesmo e aos outros.

i. De ser vencedor e não vencido pelo pecado.

j. Não temos personalidade. Somos personalidade. É o dom superior do homem. Na majestade desta oportunidade, devemos manter relações com Deus e os homens. Isto nos liberta do puro individualismo, do egocentrismo.

Na Europa, o viajante vai ouvindo cicerone. Cidade de Knox, de Savanarola, de Dante, de Miguel Ângelo, de Shakespeare, etc. personalidades que imprimiram seus nomes nas cidades, por terem descoberto suas possibilidades. Aqui de Rui, Rio Branco, Rodrigues Alves, Wenceslau Brás.

II. COMO DESCOBRIR NOSSAS POSSIBLIDADES

a. Crendo nelas.

b. Crendo que estamos no mundo para alcançarmos grandes e nobres objetivos. Há finalidade na vida de cada um. Ainda que o mundo nos despreze, creiamos nesta verdade.

c. Conservemos viva essa convicção. Jamais a olvidemos.

d. Esforcemo-nos para cumprir a nossa parte no complicado maquinismo das relações. A perseverança pode superar o gênio.

e. A nossa personalidade é o nosso poder, escudada em Jesus.

Atentai para a minha repreensão; pois eis que vos derramarei abundantemente do meu espírito e vos farei saber as minhas palavras. Pv. 1.23