PÃO E VINHO

Texto: I Coríntios 11.26

 

INTRODUÇÃO: Os emblemas dão ao crente uma visão retrospectiva e prospectiva da obra consumada de Cristo.

I. SIGNIFICAÇÃO DO PÃO

         a. Flagelação do corpo de Cristo, pelo azorrague dos soldados. Pela coroa de espinhos, pelos cravos, pelos ferimentos da lança.

         b. A natureza de sua morte é o Pão da vida porque passou pela morte. (Hb. 2.9). Passou pelo fogo, é precioso por causa do fogo (purificação).

         c. A natureza do novo homem, Cristo é a origem da vida (Pv. 8.35), o alimento da nova vida (Jo. 6.35-37), A plenitude da nova vida (Jo. 8.36; 10.10).

         d. A futura união do corpo e da cabeça é a substância (Jo. 17.21; Hb. 2.11), serão uma união eterna (Ap. 19.9).

II. SIGNIFICAÇÃO DO VINHO

  1. Relembra a vida doada. (Jo. 10.18)
  2. Relembra a vida derramada. (Hb. 9.22; Is. 58.8-14)
  3. Simboliza a vida recebida. (Jo. 6.55)
  4. Simboliza a plenitude da vida, da alegria e da vitória. (Jo. 15.11)

“Ao Senhor empresta o que se compadece do pobre, ele lhe pagará o seu benefício”. Pv. 19.17